21 de junho de 2024

Tiradentes comemora o Modernismo com diversas atividades

Evento conta com palestras e visitas guiadas a museus.

O Centro Cultural Yves Alves recebeu na noite desta quinta-feira, 25 de abril, a abertura do Seminário Caravana das Artes: 100 Anos de Modernismo em Tiradentes. O evento contou com quatro palestras curtas sobre o tema que trouxe muitas informações relevantes sobre o Modernismo e Tiradentes e tem apoio institucional e cultural da Prefeitura de Tiradentes, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo.

Na ocasião, estiveram presentes Nilzio Barbosa, prefeito de Tiradentes, Sérvulo Matias Filho, Secretário de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer, a chefe do Escritório Técnico do IPHAN Tiradentes, Bruna Lúcia dos Santos, além de representantes do setor cultural de Tiradentes, artistas e pesquisadores.

Os palestrantes convidados foram a professora Lia Motta, que contou sua experiência profissional quando atuou pelo IPHAN na cidade; o historiador Gustavo Oliveira Fonseca (foto), do IPHAN, que abordou o tema “A intelectualidade modernista e a criação do SPHAN”; O professor da Unicamp, Marcos Tognon, falou sobre “Modernistas, Minas e o amor ao Patrimônio”. Encerrando a noite, o professor e historiador de Tiradentes, Luiz Cruz (foto) abordou o tema “A Cadeia de Tiradentes e o encontro de Blaise Cendrars com a antropofagia”.

Nesta sexta-feira, 26, o seminário segue com intensa programação, com visita guiada ao Museu Casa Padre Toledo; visita ao Instituto Mário Mendonça Arte e ao Espaço Ângelo Oswaldo – Galeria Emeric Marcier. Na parte da tarde o Museu de Santana recebeu a palestra de Altino Barbosa Caldeira, que falou sobre “Modernismo e a transformação da paisagem Cultural em Minas”. Em seguida Luiz Cruz e Fabiana Nicomedes de Oliveira conduziram uma visita guiada pelo Museu. Encerrando a programação do dia, o Grupo Oficina de Teatro Entre & Vista apresentou um Sarau Poético no Largo de Sant`ana.